STF alerta sobre falsos e-mails em nome da instituição

O STF alerta e reitera a população que não envia e-mails sem que o destinatário tenha se cadastrado previamente no Portal do STF ou solicitado serviços ou informações do Tribunal.

Caso tenha recebido e-mail com origem identificada como sendo do STF e não se lembre de ter feito o cadastro no site do Tribunal ou não tenha solicitado serviços ou informações do Tribunal, não abra os eventuais links ou anexos contidos na mensagem.

Dúvidas em relação a e-mails eventualmente recebidos com a identificação do Tribunal poderão ser encaminhadas à Central do Cidadão.

Fonte: STF

Use o Facebook para comentar e divulgar

Comentário

Deixe uma resposta