Proposta cria linha de crédito no BNDES para financiar grandes empresas

Luis Macedo/Câmara dos Deputados
Reunião Ordinária. Ministro das Minas e Energia, Fernando Coelho Filho
Deputado Fernando Coelho Filho: proposta permitirá que os grandes empregadores brasileiros permaneçam ativos, preservando empregos e renda

O Projeto de Lei 1457/20 autoriza o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) a criar uma linha de crédito para grandes empregadores. O financiamento visa dar um fôlego para as empresas afetadas pela retração econômica decorrente da pandemia de coronavírus.

A proposta, que tramita na Câmara dos Deputados, é voltada para empresas que possuem mais de 10 mil empregados e tiveram queda de faturamento ou atividade igual ou superior a 60% em março.

As condições do financiamento são as seguintes: taxa de juro não superior à Selic (atualmente está em 3,75% ao ano), prazo de pagamento de pelo menos cinco anos, com carência de dois anos, e regularidade fiscal e previdenciária até fevereiro de 2020.

Plano de negócios
A empresa não precisará oferecer garantias para a operação, mas deverá ainda ter plano de negócios indicando como os recursos serão usados.

Autor do projeto, o deputado Fernando Coelho Filho (DEM-PE) afirma que a linha de crédito do BNDES permitirá que os grandes empregadores brasileiros permaneçam ativos, preservando empregos e renda.

“Esse tipo de atuação é fundamental para se evitar situação mais gravosa que exija uma intervenção ostensiva e ainda massiva do Estado para ressuscitar a economia”, disse.

Saiba mais sobre a tramitação de projetos de lei.

Fonte: CÂMARA DOS DEPUTADOS

Use o Facebook para comentar e divulgar

Comentário

Deixe uma resposta