Livro com análise histórica dos trajes usados pelo Judiciário será lançado no dia 18, no Espaço Cultural STJ

​​Em 18 de fevereiro será lançado o livro A Toga e a Beca – Vestes talares, de autoria de Katia Oliveira Bonifácio Albuquerque e prefácio do ministro Humberto Martins, no Espaço Cultural do Superior Tribunal de Justiça (STJ), das 18h30 às 21h. O foco da obra literária está nas vestes talares: trajes marcantes que representam a dignidade do cargo e identificam claramente magistrados, advogados e membros do Ministério Público no exercício dos seus papéis judicantes.

Baseada nos estudos realizados pelo professor de história António Manuel Nunes, da Universidade de Coimbra, estudioso e pesquisador, a autora aborda a tipologia das vestes, os seus atores, os hábitos ao longo da história – desde a Roma Antiga (berço das vestes) até a colonização do Brasil. A obra é uma homenagem ao Judiciário brasileiro e às suas interfaces.

Katia Albuquerque é bacharel em Direito e em Administração de Recursos Humanos, especialista em Gestão Empresarial; atualmente ocupa o cargo de Diretora Administrativa do Comitê Nacional de Cerimonial e Protocolo, CNCP – Brasil (2018/2020). Entre suas publicações, estão: Egrégia Corte, Manual do Cerimonial no Poder Judiciário, 2009 (esgotado); Da Cor do Passado, 2010; Modos.K – Guia de comportamento profissional para gestores de eventos, 2013.

Para obter informações adicionais, entre em contato com os telefones (61) 3319-8373 e 3319-8460.

Source: STJ

Use o Facebook para comentar e divulgar

Comentário

Deixe uma resposta